Especialistas em Cruzeiros Douro

A melhor oferta em Cruzeiro no Rio Douro!

 

Cruzeiro em Destaque

Cruzeiro Vindimas 2013

Cruzeiro Vindimas 2013

Cruzeiros 6 Pontes sobre o Rio Douro, no Porto - o pacote de turismo mais popular no Rio Douro

Regressar aos posts »

De longe, o Cruzeiro das 6 Pontes é um dos pacotes mais populares do Turismo no Porto.

Quase podemos afirmar, que não há turista no Porto que não faça o Cruzeiro das 6 Pontes! 


Viagem em Barco Rebelo ao longo das 6 pontos que ligam a cidade do Porto a Gaia

Um pouco da História das pontes sobre o Rio Douro

A necessidade de haver uma travessia permanente entre as duas margens do Douro para circulação de pessoas e mercadorias, levou à construção da Ponte das Barcas em 1806. Antes a travessia do rio fazia-se com recursos a barcos, jangadas, barcaças ou batelões.

A Ponte das Barcas era constituída por 20 barcas ligadas por cabos de aço e podia abrir em duas partes para dar passagem ao tráfego fluvial.

O aumento do tráfego exigiu a construção de uma ponte permanente o que levou à construção da Ponte Pênsil em 1843, desmantelada anos mais tarde após a abertura da Ponte Luís I em 1886, a ponte mais antiga da cidade que permanece em actividade.

A Ponte Maria Pia, construída entre Janeiro de 1876 e 4 de Novembro de 1877 pela empresa de Gustave Eiffel, foi a primeira ponte ferroviária a unir as duas margens do Douro.

Dotada de uma só linha, o que obrigava à passagem de uma composição de cada vez, a uma velocidade que não podia ultrapassar os 20 km/h e com cargas limitadas, no último quartel do século XX tornou-se evidente que a ponte já não respondia de forma satisfatória às necessidades.

O que levou a que fosse desactivada e substituída pela Ponte de São João em 1991.

A Ponte da Arrábida tinha à data da construção o maior arco do mundo em betão armado.

Apesar da construção da Ponte do Freixo, mais a montante, a Ponte de Arrábida continua a ser a principal ligação entre a cidade do Porto e a margem sul do Douro.

Das pontes que ligam o Porto a Vila Nova de Gaia, a Ponte do Freixo é a que está mais a montante do rio. Foi construída na tentativa de minimizar os congestionamentos ao trânsito automóvel vividos nas Pontes da Arrábida e de D. uís, particularmente notórios desde finais da década de 1980. 

Trata-se, na verdade, de duas pontes construídas lado a lado e afastadas 10 cm uma da outra. É uma ponte rodoviária com oito vias de trânsito (quatro em cada sentido).

A Ponte do Infante, baptizada em honra do Portuense Infante D. Henrique, é a mais recente que liga Porto e Gaia.

Foi construída para substituir o tabuleiro superior da Ponte Dom Luís, entretanto convertida para uso do Metro do Porto.

Foi construída pouco a montante da Ponte de Dom Luís, em plena zona histórica, ligando o bairro das Fontainhas (Porto) à Serra do Pilar.

Agora que já conhece as seis Pontes do Rio Douro, faça-lhes uma visita, veja o nosso Cruzeiro das Seis Pontes do Rio Douro» 

Regressar aos posts »

Helena Azevedo

Helena Azevedo
info@douro.com.pt

26 Abril 2011

Feedback dos utilizadores