Blog

Pinhão: um Tesouro Escondido no Coração do Douro.

voltar

O Pinhão é visita obrigatória numa ida ao Douro. Descubra porquê!

Catarine Martins

Catarine Martins

Email

A região do Douro esconde vários encantos, para além das suas encostas pintadas de verde e belas paisagens onde o Rio Douro é protagonista. Um deles é o Pinhão, um tesouro escondido no coração do Douro. Embora não seja muito conhecido, o Pinhão é visita obrigatória quando se passeia pela Região Duriense. A esta altura estará a perguntar-se porquê… Nós explicamos!

O Pinhão é, na verdade, uma vila vinhateira, situada na margem direita do rio Douro. Por aqui encontram-se algumas das mais importantes Quintas produtoras de Vinho do Porto. Como se isso não fosse suficiente por si só, o Pinhão tem uma vista privilegiada sobre o este vale “encantado” do Douro, localizando-se aí um dos mais imponentes miradouros da região: O Miradouro de Casal de Loivos. Sendo o ponto mais alto do Pinhão, oferece uma vista de cortar a respiração, onde o Rio Douro se funde com as encostas verdes, num quadro visual de inesquecível precisão e beleza.

As vistas das encostas do Pinhão são fantásticasAs vistas das encostas do Pinhão são fantásticas
O Miradouro de Casal de Loivos é um dos mais bonitos do paísO Miradouro de Casal de Loivos é um dos mais bonitos do país

Mas nem só de paisagens vive o Pinhão. Aliás, é nesta vila que se situa uma das mais bonitas estações ferroviárias do país. A estação do Pinhão, construída no século XIX, é uma ode ao Vinho do Porto, sustento da região: os azulejos que a decoram representam todo o processo de produção de vinho, desde as Vindimas ao transporte do Vinho do Porto em Barcos Rabelo até às caves, situadas em Vila Nova de Gaia, bem perto do mar. Não se esqueça da máquina fotográfica, porque vai querer eternizar a beleza que aqui se encerra.

E, por falar em Barcos Rabelo, uma das atividades obrigatórias aquando uma passagem pelo Pinhão é um passeio de barco pelas águas límpidas do Douro numa típica embarcação. Tradicionalmente, os Barcos Rabelo era o único meio disponível para transportar o famoso Vinho do Porto, desde o Alto Douro Vinhateiro até às caves. Hoje em dia, a tradição deu lugar a simpáticos Barcos Rabelo de recreio, eternizando-se, assim, um dos marcos mais importantes do Douro.

Os azulejos da Estação do Pinhão guardam as histórias desta vilaOs azulejos da Estação do Pinhão guardam as histórias desta vila
Uma das melhores formas de conhecer o Pinhão é com um Cruzeiro no DouroUma das melhores formas de conhecer o Pinhão é com um Cruzeiro no Douro

E se, antigamente, esta travessia no Rio Douro era perigosa, hoje em dia estas sublimes embarcações reúnem todas as condições de segurança, não deixando de reproduzir de forma fiel os barcos originais. O cruzeiro que sugerimos é uma incrível viagem entre o Pinhão e o Tua. Esta é uma experiência fabulosa, permitindo-nos usufruir das paisagens da região do Douro e levar na memória momentos de pura felicidade.

E depois de atracar no Pinhão, que tal uma bela refeição num dos deliciosos restaurantes da vila? Toda a Região do Douro oferece iguarias deliciosas, mas é no Pinhão que se localizam alguns dos melhores restaurantes do Douro Vinhateiro. Entre eles contam-se o famoso Vela Douro ou o restaurante Rabelo, onde os sabores se baseiam em produtos regionais, resultando em pratos deliciosos que dificilmente esquecerá. E lembre-se: uma boa refeição no Douro tem de ser muito bem regada a (bom) vinho!

A gastronomia do Pinhão é deliciosaA gastronomia do Pinhão é deliciosa
Um bom vinho do Douro é ideal para acompanhar os pratos da regiãoUm bom vinho do Douro é ideal para acompanhar os pratos da região

Assim, e após uma farta refeição, nada melhor do que conhecer o lugar onde se produz o tão famoso (quanto delicioso) Vinho do Porto. No Pinhão localizam-se algumas das Quintas mas famosas do Douro e, para sorte de muitos, a maioria encontra-se aberta ao público durante todo o ano. Por isso, nada melhor do que aprender mais sobre a história do Douro e dos seus magníficos vinhos, do que no lugar onde ele é tão meticulosamente produzido, ouvindo as explicações de experientes enólogos.

A Quinta do Bonfim, por exemplo, é uma deliciosa opção. Situada mesmo no coração do Pinhão, a Quinta do Bonfim é uma das mais famosas e pertence à família Symington. Sugerimos-lhe uma visita guiada uma vez que esta Quinta contempla um museu, uma Adega – onde é possível acompanhar todo o processo de produção do vinho na altura das vindimas – e o Armazém Velho, onde começa o processo de envelhecimento dos vinhos. Depois da visita guiada segue-se uma incrível degustação dos seus melhores vinhos e poderá, ainda, desfrutar da paisagem deslumbrante que a Quinta oferece ou caminhar pelas vinhas através de um dos três passeios aí disponíveis.

Visite uma das várias Quintas do Pinhão e descubra a história do DouroVisite uma das várias Quintas do Pinhão e descubra a história do Douro
A Quinta do Bonfim oferece experiências únicas A Quinta do Bonfim oferece experiências únicas

Outra escolha incrível é a Quinta de La Rosa, também situada muito perto do Pinhão e que, por ser de fácil acesso, é uma das mais concorridas. À semelhança do que acontece na Quinta do Bonfim, também aqui poderá optar pela visita guiada que dá direito à prova de vinhos e pelo passeio nas vinhas.

Já a Quinta do Seixo, conhecida pela vista arrebatadora que tem sobre o Rio Douro e toda a encosta de vinhedos, também é uma excelente escolha. Por isso, vale muito a pena subir até ao cume onde se situa e visitá-la sem pressas. Afinal, poucas coisas se comparam ao prazer de desfrutar dum cálice de vinho do Porto, enquanto se deixa envolver pela beleza de uma das paisagens mais incríveis de Portugal.

A Quinta de La Rosa é um refúgio encantador em pleno DouroA Quinta de La Rosa é um refúgio encantador em pleno Douro
As vistas da Quinta do Seixo são arrebatadorasAs vistas da Quinta do Seixo são arrebatadoras

Agora que já descobriu um dos tesouros mais bem guardados do Douro, não se esqueça de colocar o Pinhão na lista de visitas obrigatórias na sua próxima viagem à região!

Catarine Martins

Catarine Martins

Email
Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao visitar o site está a consentir a sua utilização.
Conheça as nossas Políticas de Privacidade e Cookies aqui