Blog

As 5 Pontes mais Bonitas que Atravessam o Rio Douro

voltar

Descubra o nosso TOP 5 das Pontes mais incríveis do Rio Douro!

Catarine Martins

Catarine Martins

Email

A região do Douro, inigualável na sua mágica beleza, tem como protagonista o Rio Douro, mancha azul que contrasta na perfeição com os tons de verde deste vale, num quadro natural memorável. Apesar de nascer em Espanha, é em Portugal que o Rio Douro faz história, levando-nos a navegar por um paraíso unanimemente bonito. Assim, como qualquer outro rio, também o Rio Douro é atravessado por várias pontes, algumas muito conhecidas e reputadas, outras mais desconhecidas e igualmente incríveis.

Se, nesta esta altura, está a pensar que as pontes sobre o Rio Douro se cingem às infraestruturas que ligam Porto e Vila Nova de Gaia, nós podemos dizer-lhe que, malgrado a espetacularidade destas pontes, há muitas mais ao longo de todo o percurso do Rio Douro em território português. Assim, fomos em busca das pontes mais majestosas que cruzam este magnífico Rio e elegemos o nosso Top 5. A escolha foi difícil, mas, do Porto a Barca d’Alva, estas são as pontes que tem de admirar (pelo menos) uma vez na vida!

Ponte Miguel Torga

É junto à Régua que a ponte com o nome Miguel Torga, ímpar escritor da região duriense, se ergue, numa zona muito bonita e rica naturalmente, em jeito de homenagem. Apesar de se tratar de uma zona acidentada e com várias formações rochosas, a Ponte que atravessa o Rio Douro – e que tem 90 metros de altura e 900 metros de comprimento – cruza a linha ferroviária do Douro e duas estradas nacionais. Foi projetada pelo Engenheiro Armando Rito e tem a particularidade de ser curva. Se quer apreciar toda a sua beleza, não perca a oportunidade de o fazer um belíssimo passeio de barco nesta zona. Vale muito a pena!

 

Ponte Ferroviária da Régua

Ainda na Régua, ergue-se também a Ponte Ferroviária da Régua, uma ponte em arco com quase 400 metros de extensão. Embora tenha sido construída para funcionar como ponte ferroviária, acabou por ser transformada em ponte rodoviária, uma vez que o projeto para a linha de Lamego não vingou. Se estiver na região, não deixe de apreciar os arcos e toda a paisagem envolvente.

 

Ponte do Pocinho

É em Vila Nova de Foz Côa que a Ponte do Pocinho atravessa o magnífico Rio Douro. Trata-se de uma ponte rodo-ferroviária, ou seja, tem dois tabuleiros: o superior é ferroviário e o inferior é rodoviário. Embora se encontre encerrada desde 1988, as autarquias de Torre de Moncorvo e de Vila Nova de Foz Côa apresentaram ao Ministério da Cultura a sua pretensão para a classificação desta sublime ponte como Património Nacional. Se nunca esteve nesta zona, aproveite para visitá-la e absorver toda a beleza da paisagem, com o Vale do Douro no horizonte e o Rio Douro logo abaixo.

 

Ponte Almirante Sarmento Rodrigues

Esta ponte, que se localiza no distrito da Guarda, em Barca D’Alva, guarda em si a particularidade de ser a última ponte sobre o Rio Douro no nosso país. Composta por seis arcos, foi projetada pelo famoso engenheiro Edgar Cardoso, mentor de várias infraestruturas ao longo deste rio. Aliás, era dele a célebre frase, “em todos os rios há um sítio que foi feito para pôr uma ponte. É preciso encontrá-lo".

A Ponte Almirante Sarmento Rodrigues, assim batizada em homenagem ao Ministro do Ultramar e Governador Geral de Moçambique, localiza-se na estrada nacional 221. Não perca a oportunidade de a observar na próxima visita ao Vale do Douro – de automóvel ou num belíssimo cruzeiro – porque este é um cenário arrebatador, qual quadro natural inesquecível. E, se gosta de passeios de barco, então sugerimos um sublime cruzeiro do Porto a Barca d’Alva, o passeio mais completo do Douro, para ficar a conhecer toda a extensão do Rio Douro em território português.

 

Ponte Luís I

Esta não poderia deixar de figurar no nosso Top 5. A mais famosa ponte do Douro, já quase no encontro do rio com o mar, tem fama internacional. A Ponte Luís I liga a cidade Invicta a Vila Nova de Gaia e foi construída entre os anos de 1881 e 1888. O mentor foi um discípulo do célebre Gustave Eiffel, Théophile Seyrig, que já tinha sido autor da Ponte D. Maria Pia.

Ponte de estrutura metálica, é composta por dois tabuleiros, sendo o superior destinado à linha do Metro do Porto e, o inferior, à circulação rodoviária. A vista sobre o Rio Douro e as suas duas margens, do tabuleiro superior, é um cartão postal que fica na memória de qualquer turista ou local. Daquelas paisagens únicas que nunca nos cansamos de contemplar. Esta é, provavelmente, a Ponte mais icónica sobre o Rio Douro e, por isso, visita obrigatória, quer para apreciar a sua inigualável estrutura metálica, quer para se deixar arrebatar pelas suas vistas.

 

Agora que já conhece as pontes mais bonitas que atravessam o Rio Douro não perca tempo e comece já a planear a sua escapadinha à região do Douro, uma das mais imponentes do país!

Catarine Martins

Catarine Martins

Email
Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao visitar o site está a consentir a sua utilização.
Conheça as nossas Políticas de Privacidade e Cookies aqui